Violência contra a mulher vem do homem comum, e pode atingir qualquer uma

Violência contra a mulher vem do homem comum, e pode atingir qualquer uma

Adriana Nogueira – A presença do contador A.C.S, 58 anos, em uma reunião do grupo reflexivo para homens enquadrados na lei Maria da Penha, no Coletivo Feminista Sexualidade e Saúde, em Pinheiros, na zona oeste de São Paulo, desmistifica a imagem do monstro –esperada pelo senso comum– do homem capaz de agredir uma mulher. Ao … Continue lendo »
Mapa da morte em SP vai da Suécia até o México; locais dos crimes se repetem

Mapa da morte em SP vai da Suécia até o México; locais dos crimes se repetem

ARTUR RODRIGUES, RAPHAEL HERNANDES, DANIEL MARIANI e MARLENE BERGAMO – Quando o som das balas começa, a manicure Adriana de Mesquita, 31, esconde a filha de quatro anos no quarto e diz a ela que estão soltando bombinhas na rua. É o jeito que encontrou para que a menina fique mais calma nos dias em que acontecem troca de … Continue lendo »
Reduzir maioridade penal é ato covarde de país que desistiu de seu futuro

Reduzir maioridade penal é ato covarde de país que desistiu de seu futuro

Leonardo Sakamoto – A redução da maioridade penal de 18 para 16 anos está na pauta de votações da Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania do Senado Federal. A proposta com mais chance de aprovação, de autoria do então senador e hoje ministro da Relações Exteriores Aloysio Nunes (PSDB-SP), vale para crimes considerados hediondos e casos … Continue lendo »
O que é estupro?

O que é estupro?

Luiza Nagib Eluf – Precisamos lutar por uma sociedade respeitosa e civilizada, com leis adequadas. Fatos ocorridos nos meios de transporte públicos em São Paulo e em outras grandes cidades do Brasil, recentemente divulgados pela imprensa, revelaram que as mulheres são reiteradas vezes desrespeitadas nos locais públicos, principalmente se estiverem desacompanhadas e dentro de um … Continue lendo »
Quando a barbárie é popular

Quando a barbárie é popular

Clóvis Rossi – A barbárie é popular, mostra pesquisa do respeitado Pew Center, dos Estados Unidos, a respeito das Filipinas: quase oito de cada dez filipinos (78% exatamente) aprovam a licença para matar acusados ou suspeitos de tráfico/consumo de drogas concedida pelo presidente Rodrigo Duterte. Desde que assumiu, em junho de 2016, o governo anuncia, … Continue lendo »
Vácuo de poder piora violência, diz socióloga ex-ouvidora de polícia no Rio

Vácuo de poder piora violência, diz socióloga ex-ouvidora de polícia no Rio

MARINA ESTARQUE – A crise financeira agravou a violência no Rio, mas não pode ser apontada como causa dos tiroteios desta semana, diz a socióloga Julita Lemgruber, 72, do Centro de Estudos de Segurança e Cidadania da Universidade Candido Mendes. Ex-diretora do Departamento do Sistema Penitenciário e ex-ouvidora de polícia do Rio, Lemgruber diz que há um … Continue lendo »
O país das Rocinhas

O país das Rocinhas

Janio de Freitas – O espanto generalizado com a guerra na Rocinha só pode vir do vício de espantar-se com os atos todos da violência urbana, não importa se maiores ou minúsculos, se astuciosos ou vulgares. Rocinha não é mais do que uma celebridade (a palavra-símbolo do jornalismo deslumbrado) entre milhares de assemelhadas pelo país … Continue lendo »
Misha Glenny: “Os grandes traficantes brasileiros não moram nas favelas”

Misha Glenny: “Os grandes traficantes brasileiros não moram nas favelas”

GIL ALESSI – Escritor autor de livro sobre o Nem da Rocinha critica política de guerra às drogas Os caminhos da cocaína desde que a folha da coca é colhida por camponeses latino-americanos até chegar às narinas dos exigentes consumidores da Europa ou dos Estados Unidos deixam um rastro de morte no terceiro mundo. E o Brasil, com … Continue lendo »
A gramática neoliberal, o bandido bom e o bandido morto

A gramática neoliberal, o bandido bom e o bandido morto

PAULO MOTORYN – Não é exagerado afirmar que a expressão carrega certos marcadores sociais, e por trás dela se escondem dois problemas estruturais do Brasil: a desigualdade e o racismo No início de 2017, o País assistiu à explosão de uma vultuosa crise carcerária. Não faltaram cenas dantescas de violência e barbárie, de crueldade e terror, … Continue lendo »