Escravidão, e não corrupção, define sociedade brasileira, diz Jessé Souza

Escravidão, e não corrupção, define sociedade brasileira, diz Jessé Souza

JESSÉ SOUZA – O autor argumenta que a visão do brasileiro como vira-lata, pré-moderno, emotivo e corrupto decorre de uma leitura liberal, conservadora e equivocada de nosso passado. Para ele, é preciso reinterpretar a história do Brasil tomando a escravidão como o elemento definitivo que nos marca como sociedade até hoje. Quem sintetizou a interpretação … Continue lendo »
O que ninguém fala sobre a Princesa Isabel

O que ninguém fala sobre a Princesa Isabel

Michel Alecrim – Ela não concedeu a alforria a um escravo tuberculoso, chamava os seus serviçais de pretos e debochava dos abolicionistas mais combativos – assim era a “Redentora”, hoje candidata à canonização. Ensina-se nos livros escolares que a princesa Isabel (1846-1921) foi uma heroína nacional, a redentora que sancionou a Lei Áurea em 13 de maio … Continue lendo »
Os trechos do “Mein Kampf” que derrubam o mito do “nazismo ser de esquerda”

Os trechos do “Mein Kampf” que derrubam o mito do “nazismo ser de esquerda”

Redação – Especialista em eugenia nazista posta trechos do “Mein Kampf” de Adolf Hitler e acaba com discussão sobre “nazismo ser de esquerda” Desde que surgiram as manifestações neonazistas protagonizadas por supremacistas brancos em Charlottesville (EUA), brasileiros que se autodeclaram ‘de direita’ têm afirmado nas redes sociais que o ‘nazismo’ é ‘de esquerda’. Para encerrar as … Continue lendo »
Por que fósseis achados no Marrocos mudam tudo o que sabemos sobre a origem da humanidade

Por que fósseis achados no Marrocos mudam tudo o que sabemos sobre a origem da humanidade

Pallab Ghosh – Reconstrução do primeiro crânio de Homo sapiens, feito com base em ressonâncias de múltiplos fósseis originais A teoria de que o homem moderno evoluiu em um único “berço de humanidade” há 200 mil anos no leste da África perdeu sustentação científica, graças a novas pesquisas recém-divulgadas. Fósseis dos cinco mais antigos humanos … Continue lendo »
Agnes Heller: “A maldade mata, mas a razão leva a coisas mais terríveis”

Agnes Heller: “A maldade mata, mas a razão leva a coisas mais terríveis”

GUILLERMO ALTARES – A pensadora Agnes Heller diz que a Europa é hoje melhor, mas diz que o nacionalismo ainda impera Agnes Heller (Budapeste, 1929) resume a história da Europa, ou melhor, a tragédia da Europa. Esta filósofa, uma das pensadoras mais influentes da segunda metade do século XX, sobreviveu ao Holocausto, embora seu pai tenha … Continue lendo »
‘Bombardeamos tudo que se movia’: os ataques que ajudam a explicar o rancor histórico da Coreia do Norte com os EUA

‘Bombardeamos tudo que se movia’: os ataques que ajudam a explicar o rancor histórico da Coreia do Norte com os EUA

Guillermo D. Olmo – Os bombardeios americanos foram um pesadelo para a população civil norte-coreana “Tudo que se movia.” Com essas palavras, o ex-secretário de Estado americano Dean Rusk definiu os alvos das bombas lançadas sobre a Coreia do Norte durante a Guerra da Coreia (1950-1953), uma missão batizada pelo Pentágono de Operação Estrangular. Segundo historiadores, … Continue lendo »
As vantagens evolutivas de termos feito sexo com os neandertais

As vantagens evolutivas de termos feito sexo com os neandertais

JAVIER SAMPEDRO – Novos indícios de que antigos cruzamentos entre as três espécies tiveram consequências evolutivas Estamos tão acostumados a ser os únicos humanos sobre a Terra que quase não podemos imaginar um passado em que, saindo da África para um mundo desconhecido, o mais fácil era encontrar pelo caminho gentes de outras espécies do gênero Homo que compartilhavam … Continue lendo »