O Brasil de cara contra o muro

O Brasil de cara contra o muro

Café Filosófico – Em um dos momentos de crise mais complexos da sua história, o Brasil sofre com problemas que alimentam ainda mais o difícil cenário já instalado. A falta de disposição ao diálogo, a busca por culpados e a transformação da política em algo menor, supostamente sem importância para a vida coletiva e individual, … Continue lendo »
As avós desempenharam um papel crucial na evolução humana

As avós desempenharam um papel crucial na evolução humana

Pensar Contemporâneo – Por muitos anos, antropólogos e biólogos evolucionários não foram capazes de explicar o “porquê” da menopausa. Como poderia ser benéfico para as mulheres deixar de poder ter filhos, quando ainda restam décadas para viver? A menopausa também é um estágio único presente apenas na vida humana, não é compartilhada com nossos parentes … Continue lendo »
Narcisismo – sinal de perigo

Narcisismo – sinal de perigo

Mente e Cérebro – Narcisismo: a opinião excessivamente positiva a respeito das próprias habilidades prejudica o senso crítico e favorece decisões precipitadas e comportamentos impulsivos, o que pode levar a pessoa a se colocar em situações desconfortáveis ou até mesmo perigosas. Não raro, pessoas com traços narcísicos marcantes se colocam em situações que prejudicam a … Continue lendo »
O sujeito moderno e o mal-ser na sociedade do desamparo

O sujeito moderno e o mal-ser na sociedade do desamparo

Flávia Andrade Almeida – O capitalismo se radicalizou de tal modo que não se utiliza mais somente as potências do corpo, mas implica-se a subjetividade em ideais competitivos. A construção da subjetividade humana é atravessada pelos valores éticos, morais, culturais e pela racionalidade política de cada época. E para diversos pensadores, como Michel Foucault, o … Continue lendo »
O Coringa que habita em cada um de nós

O Coringa que habita em cada um de nós

Armando Januário – Em um país dominado pelo ódio disseminado desde 2013 por meios de comunicação e onde a pobreza aumenta nos últimos anos, comportamentos agressivos comprovam que Joker é uma metáfora para nossos dias. Em menos de uma semana, assisti Joker (Coringa) duas vezes. Nesse período, vivi situações que considero ligadas ao filme. Sinto necessidade de descrevê-las, … Continue lendo »
O ódio como política

O ódio como política

Leonardo Isaac Yarochewsky – A socióloga Esther Solano Gallego – organizadora da obra “O ódio como política: a reinvenção das direitas no Brasil” – constata que nos últimos anos, o chamado campo progressista assistiu perplexo, à reorganização e ao fortalecimento político das direitas. “Direitas”, “novas direitas”, “onda conservadora”, “fascismo”, “reacionarismo” trata-se, segundo a socióloga de “uma … Continue lendo »
‘Pessoas repassam fake news não pela veracidade, mas porque reforçam suas convicções’

‘Pessoas repassam fake news não pela veracidade, mas porque reforçam suas convicções’

Ubiratan Brasil – Livro organizado pela jornalista Mariana Barbosa reúne artigos sobre a preocupante realidade da indústria de notícias falsas na internet. A abundância de informação disponível na internet revela que o avanço tecnológico promoveu, de fato, uma democratização da informação, mas, por outro lado, também abriu brecha para a difusão de notícias falsas, cujas consequências geralmente … Continue lendo »
Cientistas desvendam como cérebro processa pensamentos abstratos

Cientistas desvendam como cérebro processa pensamentos abstratos

VivaBem – Pesquisadores da Carnegie Mellon University utilizaram “machine learning” (“aprendizado de máquina”, um dos ramos da inteligência artificial) para descobrir quais regiões do cérebro são acessadas quando formamos pensamentos envolvendo conceitos abstratos como fé, ética, justiça e felicidade. Publicado no periódico Cerebral Cortex, o estudo descobriu que o cérebro tem uma espécie de sistema de indexação, … Continue lendo »
O porão do mundo: a inacreditável história de uma fábrica de corpos humanos

O porão do mundo: a inacreditável história de uma fábrica de corpos humanos

Júlia Rocha – Há dois dias estou remoendo e tentando digerir a história de um holocausto. Pude ver, ouvir e sentir o cheiro de uma tragédia humana tão dramática, longa e intensa quanto pouco conhecida. A causa deste impacto ainda pouco assimilado pelos meus sentidos e menos ainda pela minha razão foi a visita a … Continue lendo »