‘Quem pede intervenção militar não sabe o que foi a ditadura’, diz sociólogo

‘Quem pede intervenção militar não sabe o que foi a ditadura’, diz sociólogo

Ana Estela de Sousa Pinto – Reginaldo Prandi, homenageado pela USP nesta terça (5), diz que cidadania do país é frágil. “Há uns malucos querendo a ditadura. Eles não sabem o que querem. Nunca viram, não têm ideia do que foi a intervenção militar no país, porque não têm formação. Não sabem isso e também não sabem … Continue lendo »
Os donos do dinheiro apoiarão a opção autoritária e violenta nas eleições?

Os donos do dinheiro apoiarão a opção autoritária e violenta nas eleições?

Leonardo Sakamoto – Em nome de seus interesses, os donos do dinheiro apoiariam uma opção autoritária no Brasil? Creio que a melhor resposta para isso seria: “De novo?” A última ditadura militar brasileira foi sustentada internamente por empresários que tinham seus interesses sustentados por ela. O próprio golpe de 1964 foi, em larga escala, uma … Continue lendo »
1968 no Brasil

1968 no Brasil

Ricardo Antunes e Marcelo Ridenti – O con­texto da crise. Pre­sen­ci­amos em 1968 a era das múl­ti­plas ex­plo­sões e re­voltas no mundo todo: dos ope­rá­rios, dos es­tu­dantes, das mu­lheres, dos ne­gros, dos mo­vi­mentos am­bi­en­ta­listas e dos ho­mos­se­xuais, entre tantas ou­tras formas de le­vante e de des­con­ten­ta­mento so­cial e po­lí­tico. No que se re­fere ao Brasil, apesar … Continue lendo »
Nos passos da crise brasileira

Nos passos da crise brasileira

Felipe Felizardo – Professora da USP, Laura Carvalho analisa as origens da crise econômica brasileira. Para ela, o maior erro de Dilma foram as desonerações. A economista Laura Carvalho, 34, recorre à dança para tentar explicar os movimentos erráticos da economia nos últimos anos no Brasil. Mais precisamente, a um gênero surgido na Alemanha no … Continue lendo »
A energia e o desenvolvimento soberano em 10 lições

A energia e o desenvolvimento soberano em 10 lições

AEPET – O desenvolvimento do Brasil depende da utilização dos nossos recursos naturais em benefício da maioria dos brasileiros. Temos que superar a sina colonial e condenar as elites que servem aos interesses estrangeiros, em prejuízo da maioria. Os antigos senhores de engenho e seus feitores, são hoje os 0,01%, os rentistas, os executivos vassalos … Continue lendo »
“Pedidos por intervenção militar são grito de socorro de uma população descrente”

“Pedidos por intervenção militar são grito de socorro de uma população descrente”

FELIPE BETIM e RODOLFO BORGES – A antropóloga e cientista social, que se reuniu com grupos de caminhoneiros em greve, diz que o movimento não é facilmente encaixável e revela uma lógica de redes, não de sindicatos. Ao longo da última semana, a cientista social e antropóloga Rosana Pinheiro-Machado, professora na Universidade Federal de Santa … Continue lendo »
A produção e refino de petróleo como utilidade pública

A produção e refino de petróleo como utilidade pública

Paulo César Ribeiro Lima – Especialista em petróleo desmascara Pedro Parente: Mesmo que Petrobrás lucrasse 50%, litro do diesel poderia ser vendido a R$ 2,30 nos postos. Como bem estabelece a Constituição Federal, em seu art. 177, tanto a lavra quanto o refino são monopólios da União, que, por sua vez, pode contratar essas atividades com … Continue lendo »
Paralisação de caminhoneiros é misto de greve e locaute, diz sociólogo

Paralisação de caminhoneiros é misto de greve e locaute, diz sociólogo

Autoria: Camilla Veras Mota A atual paralisação no transporte rodoviário brasileiro é um momento que ilustra como, no setor, os interesses de trabalhadores e das empresas podem se alinhar. No momento em que uma crise afeta simultaneamente o faturamento de transportadoras e a renda de trabalhadores autônomos, demandas como o reajuste no preço do frete e … Continue lendo »