Fim da obrigatoriedade de filosofia e sociologia gera ensino mutilado

Fim da obrigatoriedade de filosofia e sociologia gera ensino mutilado

Vladimir Safatle – Na semana passada, o relator da medida provisória sobre as modificações do ensino médio, editada por aquilo que alguns chamam de “governo”, fez algumas considerações a respeito de suas preferências. Dentre elas, ele sugere que as disciplinas de filosofia e sociologia deixem de ser disciplinas de fato e se transformem em “conteúdos transversais” … Continue lendo »
Para educador português, ‘não se aprende nada numa aula’

Para educador português, ‘não se aprende nada numa aula’

ANGELA PINHO – Idealizador da Escola da Ponte, em Portugal, José Pacheco influenciou professores do mundo todo com a proposta educacional implantada no colégio a partir de 1976. Os colégios dos quais participa ou que aconselha não têm aulas, séries nem provas. As crianças escolhem projetos –fazer um robô, por exemplo– e aprendem os conteúdos curriculares … Continue lendo »
“Há uma política óbvia de apagamento da memória de que existe educação no campo”

“Há uma política óbvia de apagamento da memória de que existe educação no campo”

Lizely Borges – Reitor da UFRJ, Roberto Leher aponta o desenvolvimento de uma política educacional intencionalmente orientada para o esvaziamento do campo e de base à exploração da terra pela iniciativa privada. Reitor reflete sobre o desenvolvimento de uma política educacional de esvaziamento do campo. O modelo de financiamento e de avaliação da educação, que tem … Continue lendo »
Ameaças, ofensas e sindicâncias

Ameaças, ofensas e sindicâncias

Andrea Dip – Quatro professoras perseguidas por palavras e atividades nas escolas dão seu depoimento à Pública Apesar de os projetos de lei baseados no Escola Sem Partido ainda não terem sido aprovados em nenhuma instância (a não ser no estado de Alagoas, com o nome de Escola Livre), vários professores de todo o país estão … Continue lendo »
Claudio Naranjo: “A educação atual produz zumbis”

Claudio Naranjo: “A educação atual produz zumbis”

FLÁVIA YURI OSHIMA – O psiquiatra chileno diz que investir numa didática afetiva é a saída para estimular o autoconhecimento dos alunos e formar seres autônomos e saudáveis O psiquiatra Claudio Naranjo. A educação é a única forma de mudar o mundo O psiquiatra chileno Claudio Naranjo tem um currículo invejável. Formou-se em medicina na … Continue lendo »
Educar não é adestrar

Educar não é adestrar

Leandro Karnal – Sou professor há 34 anos. Muitos pais pedem este conselho: como educar em pleno século 21? A resposta é complexa. Somos dominados pela cultura da performance. O conteúdo está em alta, especialmente o de imediata aplicação. O vestibular tornou-se um vórtex e o ingresso em centros de excelência virou meta familiar, pois … Continue lendo »
Por que ensinar mais ŽiŽek em nossas escolas?

Por que ensinar mais ŽiŽek em nossas escolas?

Christian Ingo Lenz Dunker – O filósofo esloveno critica marxistas, feministas, ecologistas e multiculturalistas, mas defende explicitamente a liberdade e a Constituição Uma encarnação demoníaca do esquerdismo ideológico que ameaça nossas crianças é representada pelo filósofo esloveno Slavoj Žižek. Ele cruzou a fronteira do bom senso quando o Enem de 2015 escolheu uma questão baseada no … Continue lendo »