O Golpe no Brasil e a reorganização imperialista em tempo de globalização

O Golpe no Brasil e a reorganização imperialista em tempo de globalização

Barnabé Medeiros Filho – O modelo de golpe aplicado no Brasil, complexo e sofisticadamente maleável, talvez já tenha sido transformado em manual para ser levado a outros países, tal como as fórmulas desenvolvidas para as revoluções coloridas e para os golpes em Honduras e Paraguai foram aqui utilizados. A grande pergunta é até onde o capitalismo … Continue lendo »
Bolsonaro e o obscurantismo global

Bolsonaro e o obscurantismo global

Rafael R. Ioris – A Casa de Rio Branco já foi um centro agregador de erudição e humanismo. Desde Joaquim Nabuco a Guimarães Rosa e outros, pensadores corajosos e criativos encontraram na instituição acolhida intelectual e intercâmbio de ideias. Mesmo pensadores nem sempre alinhados com o chamado mainstream da diplomacia realista, poetas como Vinícius de Moraes e … Continue lendo »
Europa sempre foi povoada por diversas etnias, ao contrário do que pensam supremacistas brancos

Europa sempre foi povoada por diversas etnias, ao contrário do que pensam supremacistas brancos

Edison Veiga – A Europa vive momentos de tensão xenófoba. Mas, conforme indicam pesquisadores, diferentemente do que os supremacistas brancos costumam repetir, o continente não era um reduto exclusivo de caucasianos que só passou a receber imigrantes de outras etnias nas últimas décadas. “Mas é importante ter em mente que ‘raça’ é uma construção social … Continue lendo »
Capitalismo democrático. O fim de uma exceção histórica?

Capitalismo democrático. O fim de uma exceção histórica?

Jean-Fabien Spitz – O capitalismo e a democracia pareciam fazer até recentemente um bom casamento. Mas, hoje o divórcio se consumou. O mercado vai muito bem, mas os regimes autoritários florescem no mundo como um todo e o desinteresse pelos direitos dos indivíduos continua a crescer. Por ocasião do bicentenário da Revolução Francesa e da … Continue lendo »
Novo governo não é retrocesso; é renovação ampliada da dependência brasileira

Novo governo não é retrocesso; é renovação ampliada da dependência brasileira

Maria Orlanda Pinassi – Por tudo que está acon­te­cendo e tudo o que ainda está por vir, é muito im­por­tante parar para re­fletir sobre o sen­tido da tra­gédia que de­sabou sobre nós neste úl­timo dia 28 de ou­tubro. De que serve dizer a ver­dade sobre o fas­cismo que se con­dena se nada se diz contra … Continue lendo »