Morto em massacre, delator de esquema no AM cumpria 5 anos por furto de uísque e guaraná

Morto em massacre, delator de esquema no AM cumpria 5 anos por furto de uísque e guaraná

Leandro Prazeres – Absolvido três vezes por tráfico de drogas e homicídio, o detento que denunciou um suposto esquema de facilitação de entrada de drogas, armas e telefones celulares no Compaj (Complexo Penitenciário Anísio Jobim), em Manaus, Gezildo Nunes da Silva, morreu enquanto cumpria uma pena de cinco anos de prisão pelo furto de duas … Continue lendo »
A erosão da autoridade

A erosão da autoridade

Oscar Vilhena Vieira – O massacre de Manaus e agora o de Boa Vista não constituem um mero acidente. Decorrem de décadas de negligência das autoridades brasileiras com o crescimento do crime organizado e com a degradação de seu sistema prisional. O Brasil ocupa o lugar de quarto país com a maior população carcerária do … Continue lendo »
A indiferença é a origem do massacre em Manaus

A indiferença é a origem do massacre em Manaus

Janio de Freitas – O país todo está horrorizado. Discute se a culpa é do Judiciário ou dos governos, dos políticos ou da legislação penal e, claro, das garras da corrupção sobre as verbas do sistema carcerário. A discussão é fácil e aliviante: cada uma daquelas partes colaborou nos movimentos dos facões que degolaram e esquartejaram … Continue lendo »
Entenda o caos e possíveis soluções para o sistema carcerário do país

Entenda o caos e possíveis soluções para o sistema carcerário do país

FERNANDA MENA – A explosão da população carcerária brasileira nos últimos 15 anos, que saltou de 233 mil presos em 2000 para 622 mil no final de 2014, segundo dados do Departamento Penitenciário do Ministério da Justiça, agravou o quadro de superpopulação no sistema penitenciário do país, que é, a um só tempo, sintoma de uma … Continue lendo »
Se o Estado age como o PCC, decidindo quem vive ou morre, como espera julgá-lo?

Se o Estado age como o PCC, decidindo quem vive ou morre, como espera julgá-lo?

Vladimir Safatle – “Ali não tinha nenhum santo.” Foi com tal sentença que o governador do Amazonas veio a público comentar o massacre que ocorreu em prisão de Manaus. De fato, santo lá não havia, como, ao que tudo indica, não há em nenhum outro lugar do mundo sublunar. Os presidiários não são santos, você … Continue lendo »
Carta ao ministro da Justiça

Carta ao ministro da Justiça

Frei Betto – “Excelência: fui preso comum. Sim, a ditadura, que não respeitava direitos, me transferiu da prisão política para a comum. Em dois anos, passei pela Penitenciária do Estado de São Paulo, Carandiru e Penitenciária de Presidente Venceslau (SP), a mesma que hoje abriga o comando do PCC.” “É verdade, faz tempo que vivi … Continue lendo »