O RACISMO DA ACADEMIA APAGOU A HISTÓRIA DE DANDARA E LUISA MAHIN

O RACISMO DA ACADEMIA APAGOU A HISTÓRIA DE DANDARA E LUISA MAHIN

Ale Santos – Este texto é uma resposta à historiadora Ana Lucia Araujo, que considera perigosa a inclusão no Panteão da Pátria de guerreiras cuja existência não teria sido provada. O projeto, aprovado pelo Senado, ainda depende da apreciação do presidente. A ESCRAVIDÃO INTERROMPEU a história da África e de seus descendentes, roubando séculos de produção intelectual em troca de … Continue lendo »
Ensinar que Machado de Assis era negro também será doutrinação ideológica?

Ensinar que Machado de Assis era negro também será doutrinação ideológica?

Rodrigo Casarin – “As mulheres exibiam sua riqueza e elegância proporcionalmente à importância de seu companheiro no bando. Carregavam nos bornais tudo o que tinham: remédios, ouro, dinheiro, mudas de roupa, comida, munição, maquiagem (batom e pó de arroz) e toucador (espelho e pente). E guardavam um segredo: sob o tecido grosso, vestiam traje de seda … Continue lendo »
131 anos após Lei Áurea, negros seguem à margem do mercado de trabalho

131 anos após Lei Áurea, negros seguem à margem do mercado de trabalho

GIOVANNA GALVANI – Os números do racismo estrutural no País devem ser questionados ativamente pelos empregadores, dizem especialistas. O 13 de maio de 1888 poderia ser uma data lembrada pelos bons frutos que deixou, já que marca o dia da assinatura que acabou com a escravidão no Brasil. Poderia. A Lei Áurea tinha apenas 1 … Continue lendo »
Racismo

Racismo

Marcelo Gruman – Indivíduos não nascem racistas, indivíduos aprendem a discriminar outros indivíduos pela cor  da pele ou por quaisquer outros atributos que se diferenciam dos atributos que considere ”normal”. Em recente entrevista, o ator irlandês Liam Neeson admitiu já ter saído de casa com um bastão com o propósito deliberado de matar “um negro” … Continue lendo »
Europa sempre foi povoada por diversas etnias, ao contrário do que pensam supremacistas brancos

Europa sempre foi povoada por diversas etnias, ao contrário do que pensam supremacistas brancos

Edison Veiga – A Europa vive momentos de tensão xenófoba. Mas, conforme indicam pesquisadores, diferentemente do que os supremacistas brancos costumam repetir, o continente não era um reduto exclusivo de caucasianos que só passou a receber imigrantes de outras etnias nas últimas décadas. “Mas é importante ter em mente que ‘raça’ é uma construção social … Continue lendo »
”Questionar as cotas ou é ignorância ou é má-fé”

”Questionar as cotas ou é ignorância ou é má-fé”

ALEXANDRE POTASCHEFF – Sueli Carneiro, uma das principais lideranças do movimento feminista e negro do país, reflete sobre as particularidades do racismo no Brasil. Sueli Carneiro é uma das principais lideranças do movimento feminista e negro do Brasil. Filósofa, doutora em educação e escritora, ela milita nesta área há mais de três décadas e é uma … Continue lendo »
Slavoj Zizek: o racismo está vivo e bem tanto na Europa quanto em Israel – com diferentes vítimas

Slavoj Zizek: o racismo está vivo e bem tanto na Europa quanto em Israel – com diferentes vítimas

Slavoj Zizek – Essa semana, uma pesquisa da CNN revelou que o anti-semitismo está vivo e muito bem na Europa. A questão agora é: onde termina a crítica honesta à política de estado israelense e onde começa o anti-semitismo? Os resultados são de abrir os olhos. Com 20% dos jovens franceses sem saber sobre o … Continue lendo »
Consciência Negra: o que mudou na vida dos negros 21 anos após música clássica dos Racionais MC’s

Consciência Negra: o que mudou na vida dos negros 21 anos após música clássica dos Racionais MC’s

Leandro Machado e Luiza Franco – A letra de ‘Capítulo 4 Versículo 3’ apresentava dados sobre violência e educação da população negra. Há 21 anos, o grupo paulistano Racionais MC’s lançava um álbum que seria considerado ícone e maior referência da história do rap nacional. Sobrevivendo no Inferno rapidamente se tornou um marco da música brasileira, alçando Mano … Continue lendo »
“Sentia que não fazia parte desse ambiente”: os desafios de ser negro e da periferia em uma universidade

“Sentia que não fazia parte desse ambiente”: os desafios de ser negro e da periferia em uma universidade

F.B. – Jovens estudantes relatam o racismo e os obstáculos no cotidiano do campus universitário. Na PUC-Rio, coletivos como o Nuvem Negra e o Bastardos da PUC lutam por mudanças institucionais. Os primeiros meses de aula na faculdade foram os mais difíceis para Juliana do Nascimento Costa. “Eu me sentia desconfortável. Chegava em casa chorando porque … Continue lendo »