Thomas Piketty: “Nacionalismo e xenofobia são a resposta mais fácil diante das desigualdades”

Thomas Piketty: “Nacionalismo e xenofobia são a resposta mais fácil diante das desigualdades”

CARLOS YÁRNOZ – Autor de ‘O Capital no Século XXI’ analisa o ‘Brexit’ e os problemas da União Europeia Depois de vender em três anos 2,5 milhões de exemplares de seu livro O Capital no Século XXI, Thomas Piketty (Clichy, 1971) tem recusado os constantes convites que recebe para participar da vida política ativamente. Nesta entrevista, … Continue lendo »
PUREZA E PODER

PUREZA E PODER

ANTONIO ENGELKE – Os paradoxos da política identitária. Se os argumentos forem avaliados a partir da “pureza” de quem fala, em detrimento da sua validade ou consistência interna, então os próprios discursos subalternos podem perder força Quem acompanha as redes sociais no Brasil de hoje provavelmente já se deparou com a gíria “lacrar”. Dizer que fulano … Continue lendo »
Multiculturalismo gera desigualdade?

Multiculturalismo gera desigualdade?

HUMBERTO LAUDARES – Há alguns dias, algum editor da página do Instituto Mises Brasil no Facebook postou um texto argumentando que sociedades culturalmente mais homogêneas causam menor desigualdade social. O texto concluía “se o Brasil fosse inteiramente formado por uma população como a do interior do Rio Grande do Sul ou de Santa Catarina, a desigualdade … Continue lendo »
País tem 11,8 milhões de analfabetos; taxa entre negros dobra ante brancos

País tem 11,8 milhões de analfabetos; taxa entre negros dobra ante brancos

LUCAS VETTORAZZO – O país tinha 11,8 milhões de analfabetos no ano passado, divulgou o IBGE nesta quinta-feira (21). O número representa 7,2% da população de 15 anos ou mais. A taxa entre pretos e pardos é de 9,9%, mais de que o dobro da de pessoas brancas (4,2%). Os dados fazem parte do módulo de educação da Pnad … Continue lendo »
O que pensa quem não quer discutir gênero

O que pensa quem não quer discutir gênero

Rodrigo Ratier – Pesquisa com manifestantes contrários à filósofa Judith Butler revela ideias equivocadas sobre o tratamento do tema nas escolas. “Menino nasce menino”, “menina nasce menina”, “xô, Judith” – e, claro, “não à ideologia de gênero”. Com mensagens desse teor, um grupo de manifestantes recepcionou a filósofa americana Judith Butler num evento em São … Continue lendo »
A cada 3 desempregados no Brasil, 2 são pretos ou pardos, diz IBGE

A cada 3 desempregados no Brasil, 2 são pretos ou pardos, diz IBGE

UOL – Pretos e pardos são mais atingidos pelo desemprego e ganham pouco mais que a metade dos rendimentos dos trabalhadores brancos no país. No terceiro trimestre, dos 13 milhões de brasileiros desocupados, 8,3 milhões eram pretos ou pardos, o que dá 63,7% do total. Os pretos ou pardos representam 54,9% da população brasileira com 14 … Continue lendo »