Fotografias sem Retoques do Trabalho Global

Fotografias sem Retoques do Trabalho Global

Ricardo Antunes – Nas úl­timas dé­cadas do sé­culo pas­sado flo­res­ceram muitos mitos acerca do tra­balho. Com o avanço das tec­no­lo­gias de in­for­mação e co­mu­ni­cação não foram poucos os que pas­saram a acre­ditar que uma nova era de fe­li­ci­dade se ini­ciava: tra­balho on­line, di­gital, era in­for­ma­ci­onal, enfim, aden­trá­vamos fi­nal­mente o reino da fe­li­ci­dade. O ca­pital global só … Continue lendo »
‘Vivemos uma situação ditatorial’, afirma Belluzzo

‘Vivemos uma situação ditatorial’, afirma Belluzzo

MANUEL ALVES FILHO – Segundo economista, medidas do governo Temer, que classifica como ilegítimo, contrariam aspirações da população. O economista Luis Gonzaga Belluzzo, professor aposentado da Unicamp, não tem dúvida de que o Brasil vive atualmente uma situação ditatorial. Segundo ele, um exemplo do autoritarismo exercido pelo governo Temer, que ele classifica como “ilegítimo”, é … Continue lendo »
Os jovens japoneses que estão trabalhando literalmente até a morte

Os jovens japoneses que estão trabalhando literalmente até a morte

BBC Brasil – Michiyo Nishigaki encheu-se de orgulho quando seu único filho, Naoya, conseguiu um emprego em uma grande empresa de telecomunicações japonesa, assim que concluiu a universidade. Naoya adorava computadores, e o novo emprego parecia ser uma ótima oportunidade profissional no competitivo ambiente corporativo japonês. Dois anos depois, porém, a mãe começou a notar … Continue lendo »
Crueldade Social como politica de Estado: cortes do Bolsa Familia

Crueldade Social como politica de Estado: cortes do Bolsa Familia

Walquiria Domingues Leão Rego – Espero que as pessoas de bem saibam que cortar a Bolsa Família das pessoas extremamente pobres do Brasil poderá produzir um verdadeiro genocídio, porque em sua grande maioria, em especial nos sertões, estes brasileiros poderão morrer de fome e das doenças derivadas da subnutrição. ​As pessoas atingidas são normalmente muito pobres … Continue lendo »
A Economia Política e o grande salto atrás

A Economia Política e o grande salto atrás

LUIS CASADO – Os banqueiros dominam a produção, controlam os palácios, não pagam impostos. As sociedades tornam-se impotentes. A democracia reduz-se a ficção. Diante da crise da modernidade, o neoliberalismo propõe marcha à ré A gruta de Lascaux (Dordogne, França) possui uma das mais impressionantes amostras de arte rupestre do Paleolítico. Em 80 a 90 metros de comprimento, foram classificadas 1.963 unidades gráficas entre pinturas … Continue lendo »
É o bem de uso comum do povo, estúpido!

É o bem de uso comum do povo, estúpido!

Lúcio Gregori – Quando da eleição de Clinton em 1992, James Car­ville, es­tra­te­gista da cam­panha, cu­nhou o dito “é a eco­nomia, es­tú­pido!”, para evi­den­ciar qual era ou de­veria ser a questão cen­tral na dis­puta elei­toral. Pa­ra­fra­se­ando, ainda que de modo far­sesco, eu diria que “é o bem de uso comum do povo, es­tú­pido!”, para dizer qual … Continue lendo »
40% das crianças de até 14 anos estão em situação de pobreza no Brasil, mostra estudo

40% das crianças de até 14 anos estão em situação de pobreza no Brasil, mostra estudo

UOL – Dentre a população brasileira de zero a 14 anos, 40,2% se encontra em situação de pobreza. O percentual corresponde a mais de 17,3 milhões de jovens pobres no Brasil. É o que aponta um levantamento da Fundação Abrinq, divulgado nesta terça (25), que compara a situação da infância no Brasil com as metas assumidas … Continue lendo »
O apito da panela de pressão

O apito da panela de pressão

Paulo Kliass – Frente ao atual quadro, é compreensível a indagação de quem não entende a passividade da maioria. Até quando aguardar para que ouçamos o apito da panela? O primeiro semestre deste ano marca o quadragésimo aniversário de uma importante etapa do movimento de luta contra a ditadura militar, que havia se instalado em … Continue lendo »
Por onde andam os manifestantes vestidos de verde e amarelo?

Por onde andam os manifestantes vestidos de verde e amarelo?

Rafael Tatemoto – Para pesquisadora, movimentos de direita usaram discurso anticorrupção como pretexto político para agenda neoliberal Em meio a escândalos de corrupção que envolvem diretamente o presidente Michel Temer (PMDB), uma pergunta ronda a cabeça de muitas pessoas: por que as manifestações de rua contra a corrupção cessaram? Algumas respostas já apareceram. Em declarações ao jornal Valor … Continue lendo »