30 anos de domínio financeiro especulativo e perspectivas para 2018

30 anos de domínio financeiro especulativo e perspectivas para 2018

Nelson Rodrigues dos Santos – Permanecemos desafiados a manter lucidez e coragem para avaliar a real profundidade e as consequências da maior e mais bem engendrada das ditaduras conhecidas, que há 30 anos vem se estendendo ás nações e povos: a ditadura do capital financeiro especulativo nas entranhas da relação Sociedade-Estado. Iniciou-se nos anos 80 nas … Continue lendo »
A globalização é um carro sem marcha à ré

A globalização é um carro sem marcha à ré

Miguel Otero Iglesias – As medidas protecionistas tomadas por Donald Trump geram tensões geopolíticas, e insta a União Europeia a buscar alianças com países que também apoiam princípios sociais para lutar contra os paraísos fiscais e a evasão fiscal, talvez o maior câncer das nossas democracias atualmente. A globalização e as novas tecnologias, duas forças … Continue lendo »
Paraísos fiscais (4) – A revanche do grande capital

Paraísos fiscais (4) – A revanche do grande capital

Reginaldo de Moraes – Esconder dinheiro em ilhas exóticas é coisa antiga. Há diferentes motivos para estes impulsos, e diferentes tipos de piratas. Dinheiro que se esconde em ilhas exóticas é uma coisa antiga. A imagem de uma ilha do tesouro excitou gerações e gerações. Mas há diferentes tipos e diferentes motivos para tais impulsos secretistas. … Continue lendo »
Paraísos fiscais (3) – Os ricos sem fronteiras

Paraísos fiscais (3) – Os ricos sem fronteiras

Reginaldo de Moraes – Nauru, que se tornou um “”país” inviável quando o minério acabou, ganhou esplendor com a chegada dos bilhões e bilhões de dólares da Rússia. O tema dos paraísos fiscais pipocou forte na mídia há perto de dois anos, sobretudo depois da publicação dos Panama Papers, enorme banco de informações reunidas por um … Continue lendo »
Paraísos fiscais (2) – Bem mais do que uma Suíça

Paraísos fiscais (2) – Bem mais do que uma Suíça

Reginaldo de Moraes – O nascimento dos modernos paraísos fiscais é controverso. Sua história é um emaranhado de circunstancias e ações deliberadas. A imagem da ilha do tesouro e seus piratas é antiga, assim como suas afinidades com o poder político. No século XVI, alguns deles eram mais do que aristocratas, frequentavam com grande intimidade … Continue lendo »
Paraísos fiscais (1) – os Motéis do Capital

Paraísos fiscais (1) – os Motéis do Capital

Reginaldo de Moraes – “Paraísos fiscais” são também denominados ‘Offshore Finance Services’, se quisermos adotar os termos educados e edulcorados que preferem os advogados da coisa. Nos últimos anos tenho me dedicado ao estudo da educação superior americana. Em tempos mais recentes, minha atenção se concentra nos desafios de formação de força de trabalho diante … Continue lendo »
Árvores de dinheiro

Árvores de dinheiro

Frédéric Kaplan e Isabella di Lenardo – Na era digital, dados genealógicos como coleções fotográficas passam do status de patrimônio histórico comum ao de capital econômico possuído por algumas empresas. Assim, a própria noção de um patrimônio como bem comum universal tem de ser reinventada. No coração da Granite Mountain, a alguns quilômetros de Salt Lake … Continue lendo »
O que está por trás da “austeridade” como política econômica

O que está por trás da “austeridade” como política econômica

Edemilson Paraná – Resenha do livro de Mark Blyth. Austeridade: a história de uma ideia perigosa. São Paulo: Autonomia Literária, 2017. 375 p. “[…] as ideias de economistas e filósofos políticos, tanto quando têm razão como quando não a têm, são mais poderosas do que normalmente se pensa. Na verdade, o mundo é governado por pouco mais. … Continue lendo »
O poder do financismo

O poder do financismo

Paulo Kliass – O mito da força do mercado impõe ao conjunto da sociedade os sacrifícios coletivos para que sejam drenados, de forma segura e contínua, a essa ínfima parcela os recursos extraídos de todos os demais setores. O período entre as festas do final do ano e a folia do Carnaval é normalmente marcado … Continue lendo »