Moedas e metamorfoses da globalização

Moedas e metamorfoses da globalização

Redação – Imersão dolorosa das “emergentes”. Não é assim que os capitalistas chamam as economias dominadas do sistema imperialista? Agora todas elas sofrem com a terrível ameaça de derretimento das suas inúteis moedas inconversíveis. Na semana passada, inúmeras grandes economias dominadas ainda se debatiam com turbulências cambiais nunca dantes navegadas. Alguma coisa está fora da velha … Continue lendo »
DÍVIDA PÚBLICA: MITOS E REALIDADE

DÍVIDA PÚBLICA: MITOS E REALIDADE

JOSE LUIS FEVEREIRO – A dívida pública brasileira é estimada em torno de R$3 trilhões (conforme a metodologia usada, pode ser mais ou menos). Isso corresponde a cerca de 65% do PIB, no caso da dívida bruta, e a cerca de 49% do PIB, na dívida líquida (descontadas as reservas). Em termos comparativos com outros países, … Continue lendo »
Os interesses populares, os do ‘mercado’ e a Bolsa de Valores

Os interesses populares, os do ‘mercado’ e a Bolsa de Valores

Róber Iturriet Avila – O discurso do que é bom para a “economia” e para o “mercado” é travestido de “interesse geral”, quando, na verdade, é o interesse específico da minoria rica do país que vive de aplicações financeiras. Em tempo de disputa política eleitoral, as narrativas do “interesse geral” são explicitadas nas manchetes. O … Continue lendo »
David Harvey: o capitalismo da servidão por dívida

David Harvey: o capitalismo da servidão por dívida

Jeremy Scahill – “Uma das formas de exercer controle social é afundar as pessoas em dívidas a tal ponto que elas não possam sequer imaginar um futuro que não seja viver para poder pagar sua dívida. Esse é um dos maiores limites ao radicalismo, por exemplo, da geração dos ‘millennials’.” Entrevista especial com David Harvey David Harvey … Continue lendo »
Gasto das famílias com juros sobe 18% além da inflação e soma R$ 354 bilhões

Gasto das famílias com juros sobe 18% além da inflação e soma R$ 354 bilhões

Gabriel Valery – Apesar de redução da taxa básica, a Selic, brasileiros pagaram de juros 82 vezes o valor dos jogadores da seleção. Para Contraf-CUT, setor financeiro aumenta desigualdades. “Austeridade” amplia crise, diz Dieese. ‘Qualquer programa de governo sério tem que ter propostas para a redução dos absurdos juros’ Em 2017, a população brasileira gastou … Continue lendo »
A desumanização da economia

A desumanização da economia

Luiz Gonzaga Belluzzo – Diante de qualquer política de amparo aos mais necessitados, grita-se populismo. Na revista New Yorker, o britânico John Lanchester, autor do livro How to Speak Money, escreveu um artigo instigante a respeito das relações entre Economia e Humanismo. Em 1974, escreve Lanchester, sete países africanos juntaram forças para combater a cegueira … Continue lendo »
É possível salvar o euro

É possível salvar o euro

Joseph E. Stiglitz – Talvez o euro esteja se aproximando de outra crise. Os desdobramentos políticos na Itália são mais um outro episódio previsível (e previsto) na longa saga de um sistema monetário mal desenhado, no qual a potência dominante (a Alemanha) impede reformas necessárias e insiste em políticas que agravam os problemas básicos, com … Continue lendo »
Privatização, financeirização e monopolização: a educação brasileira em cheque

Privatização, financeirização e monopolização: a educação brasileira em cheque

Ricardo Alvarez – O gesto clássico das privatizações passa pelo martelo batido e sorriso na boca dos investidores. Na educação os métodos são outros: lentos e graduais, porém eficazes e agressivos. O que sobra são escolas mercantilizadas e rentáveis, mas distantes de seus objetivos centrais como espaço de construção do saber, estímulo à convivência e … Continue lendo »
O novo tipo de golpe de estado: um seriado em três temporadas

O novo tipo de golpe de estado: um seriado em três temporadas

SUELY ROLNIK – O capitalismo financeirizado tenta destruir todas as conquistas democráticas e republicanas, dissolver seu imaginário e erradicar da cena seus protagonistas. Uma paisagem sinistra instaurou-se no planeta com a tomada de poder mundial pelo regime capitalista em sua nova dobra – financeirizada e neoliberal –, poder que leva seu projeto colonial às últimas consequências, sua … Continue lendo »