As bases e o ‘habitat’ da nova direita

As bases e o ‘habitat’ da nova direita

Glauco Faria e Luciano Velleda – Na segunda matéria sobre novos atores que ganham relevância no cenário político brasileiro, o papel dos ‘think tanks’ e a importância das redes sociais Confira aqui a primeira matéria: http://controversia.com.br/4149 O Instituto Liberal, entidade presidida pelo economista e ex-colunista da revista Veja Rodrigo Constantino e que tem Bernardo Santoro como … Continue lendo »
Voltamos à era do messianismo político que gerou Hitler, diz frei Betto

Voltamos à era do messianismo político que gerou Hitler, diz frei Betto

ANNA VIRGINIA BALLOUSSIER – Frei Betto, 72, é inquestionavelmente um homem de esquerda. Participou da fundação da CUT, serviu de assessor especial ao amigo Lula em seus primeiros anos na Presidência e dá assessoria a movimentos sociais como MST. Nem por isso passa a mão na cabeça do campo progressista. Para ele, a autocrítica “se … Continue lendo »
O Pós-Temer

O Pós-Temer

Celso Rocha de Barros – A discussão sobre quem sucederá Michel Temer em caso de eleições indiretas está particularmente horrorosa. A classe política parece já ter decidido o que quer: um governo Temer sem Temer. A mesma coalizão sustentando o governo, o mesmo programa, outro sujeito discursando no 7 de setembro. O que se procura … Continue lendo »
A Cracolândia acabou?

A Cracolândia acabou?

Vera Telles e equipe – A Cra­co­lândia teve mais uma vez o seu fim de­cre­tado, dessa vez pelo atual pre­feito de São Paulo, João Doria, de­pois de uma me­ga­o­pe­ração po­li­cial, co­or­de­nada pelo Grupo de Ope­ra­ções Es­pe­ciais da Po­lícia Civil. Che­fiada pelo go­ver­nador Ge­raldo Alckmin, a in­ves­tida teve início na manhã de do­mingo, 21 de maio, … Continue lendo »
Por falar em Trump

Por falar em Trump

Wladimir Pomar – Al­guns in­te­lec­tuais têm pro­cu­rado apre­sentar o que chamam “crise do glo­ba­lismo”, ou “des­glo­ba­li­zação” como re­sul­tado de uma “perda de con­trole”. Pri­meiro, da Grã-Bre­tanha e da City de Lon­dres, que te­riam per­dido a ca­pa­ci­dade de in­fluência sobre a União Eu­ro­peia (UE). De­pois, de Wall Street, que teria per­dido o con­trole e a in­fluência … Continue lendo »
O último suspiro do centro

O último suspiro do centro

Alessandra Orofino – Dia 14/5, Emmanuel Macron tomou posse na França. Sua vitória foi celebrada por muitos como o triunfo da moderação sobre o radicalismo. Mas um olhar atento para a vitória do centrista revela um diagnóstico bem mais interessante. Para começar, pesquisas realizadas pelos institutos Ipsos e Sopra Steria mostraram que se apenas os … Continue lendo »
O nazismo era um movimento de esquerda ou de direita?

O nazismo era um movimento de esquerda ou de direita?

Camilla Costa – Em meio a crise econômica e política na Alemanha, nazismo trazia ideia de “revolução social”. mas só para os “arianos” “Cara, cai na real! Ser de esquerda é ser a favor de milhares de mortes causadas pelo comunismo e nazismo no mundo. Reflita!”, diz uma mensagem de janeiro no Twitter. “O socialismo/comunismo é … Continue lendo »
Por que meu pai vota em Le Pen? Por sentir que ela dá espaço aos invisíveis

Por que meu pai vota em Le Pen? Por sentir que ela dá espaço aos invisíveis

Édouard Louis – No mês passado, o rosto de Marine Le Pen apareceu na tela do meu computador. O título embaixo da foto dizia: “Marine Le Pen no 2º turno”. A líder da Frente Nacional da França, de extrema-direita, tinha avançado para a votação decisiva na eleição presidencial. Eu imediatamente pensei em meu pai, que estava … Continue lendo »