Como assim, escola sem ideologia?

Como assim, escola sem ideologia?

Marcelo Rubens Paiva – A escola sem um professor de história de esquerda é como uma escola sem pátio, sem recreio, sem livros, sem lanchonete, sem ideias. É como um professor de educação física sem uma quadra de esportes, ou uma quadra sem redes, ou crianças sem bola. O professor de história tem que ser … Continue lendo »
Por que os protestos da direita desapareceram?

Por que os protestos da direita desapareceram?

Marcus Ianoni – Muitas pessoas, principalmente as posicionadas no campo progressista, têm se perguntado por que as forças sociais que foram às ruas em 2015 e 2016 protestar contra a corrupção e, ao mesmo tempo, demandar o impeachment da presidenta Dilma Roussef – em lutas que, deliberadamente, semeavam a vinculação entre as duas questões – … Continue lendo »
Assassinos da SS com doutorado

Assassinos da SS com doutorado

JACINTO ANTÓN – Em estudo monumental, historiador francês Christian Ingrao ressalta o papel decisivo dos intelectuais na elite da Ordem Negra de Himmler A imagem que se tem popularmente de um oficial da SS é a de um indivíduo cruel, chegando ao sadismo, corrupto, cínico, arrogante, oportunista e não muito culto. Alguém que inspira (além de medo) … Continue lendo »
“Marxismo cultural”, fantasma da direita tacanha

“Marxismo cultural”, fantasma da direita tacanha

Após a Guerra Fria, intelectuais norte-americanos passaram a ver em Gramsci, Lukacs e Marcuse os devassadores da família ocidental. Alguns brasileiros copiaram esta crença Jason Wilson – O que o colunista australiano Nick Cater, o grupo de ódio de videogame #Gamergate, o assassino em massa norueguês Anders Breivik e indivíduos aleatórios no YouTube têm em comum? Além … Continue lendo »
A aliança entre EUA e Europa acabou?

A aliança entre EUA e Europa acabou?

Antonio Luiz M. C. Costa — É preciso saber até onde vai a “declaração de independência” de Bruxelas diante de Washington A prepotência de Trump fez de um cumprimento uma queda de braço, vencida por Macron Enquanto a passagem de Donald Trump pelo Oriente Médio e o Vaticano praticamente nada trouxe de novo, de sua passagem pelas reuniões … Continue lendo »
O totalitarismo primitivo da Escola Sem Partido

O totalitarismo primitivo da Escola Sem Partido

Cynara Menezes – Delação de professores. Interrogatórios. Caça às bruxas. Imposição de “verdades” oficiais nos EUA, durante período macarthista, revela os riscos que Brasil agora corre Há uma história pouco contada dentro da histeria anticomunista que tomou conta dos Estados Unidos entre 1947 e 1956, a chamada “caça às bruxas” ou macarthismo: a perseguição, pelo senador Joseph … Continue lendo »
Por que Diretas Já

Por que Diretas Já

ELIANE BRUM – É preciso interromper a crescente fragilização da democracia para recuperar a capacidade de imaginar um país O voto no Brasil hoje vale muito pouco. E precisa voltar a valer. Diante de um buraco tão fundo, que não para de se alargar, refundar a democracia depende da retomada pela população do poder de … Continue lendo »
Até onde vai a ‘nova direita’?

Até onde vai a ‘nova direita’?

Glauco Faria e Luciano Velleda – Em um cenário de descrédito para a atual classe política, novos personagens e agremiações têm oportunidade de crescer e ampliar seu espaço Leia o segundo artigo: http://controversia.com.br/4197 O antipetismo unificou pessoas que se definem como “de direita” com divergências em diversos temas Eles começaram a aparecer com mais força nos … Continue lendo »
Chefe militar de Médici pedia propina; qual a diferença hoje?

Chefe militar de Médici pedia propina; qual a diferença hoje?

Matias Spektor – Um dos principais chefes militares do governo Médici pedia propina a empresários americanos. Com mediação da Fiesp ou por meio de extorsão, ele costurava os laços entre a embaixada americana, a iniciativa privada e o porão. É o que revela um documento secreto recém-aberto ao público. Se nossa podridão é de longa … Continue lendo »