Israel e apartheid

Israel e apartheid

Luiz Eça – Cabe ao pre­si­dium, for­mado pelo pre­si­dente e os vice-pre­si­dentes do Knesset (par­la­mento de Is­rael), de­ter­minar a agenda dessa câ­mara le­gis­la­tiva. Em 4 de junho, o Pre­si­dium in­formou ter des­qua­li­fi­cado pro­posta de lei que, de­fi­nindo “Is­rael como um Es­tado de todos os seus ha­bi­tantes”, pre­tendia: “in­tro­duzir na lei cons­ti­tu­ci­onal o prin­cípio de igual­dade na … Continue lendo »
‘Quem pede intervenção militar não sabe o que foi a ditadura’, diz sociólogo

‘Quem pede intervenção militar não sabe o que foi a ditadura’, diz sociólogo

Ana Estela de Sousa Pinto – Reginaldo Prandi, homenageado pela USP nesta terça (5), diz que cidadania do país é frágil. “Há uns malucos querendo a ditadura. Eles não sabem o que querem. Nunca viram, não têm ideia do que foi a intervenção militar no país, porque não têm formação. Não sabem isso e também não sabem … Continue lendo »
E dinheiro público para saúde, educação, ciência e dignidade virou diesel

E dinheiro público para saúde, educação, ciência e dignidade virou diesel

Leonardo Sakamoto – Para conseguir entregar o desconto de 46 centavos por litro de diesel prometido aos caminhoneiros, o governo federal vai cortar mais de R$ 1,2 bilhão que seria usado para garantir qualidade de vida. Ou seja, o custo do acordo conduzido por Michel Temer para encerrar a greve caiu nas costas da população. Outros … Continue lendo »
89 morreram ou desapareceram após reunião relatada pela CIA em que Geisel autoriza mortes; veja lista

89 morreram ou desapareceram após reunião relatada pela CIA em que Geisel autoriza mortes; veja lista

Autoria: Vitor Sorano, Amanda Polato, Vanessa Fajardo, Carol Prado e Luiza Tenente Memorando da CIA revela que ex-presidente permitiu a continuidade de ações contra opositores. Levantamento do G1 com base em dados da Comissão da Verdade identificou quantos foram alvo dessa política. Oitenta e nove pessoas morreram ou desapareceram no Brasil por motivos políticos, a partir … Continue lendo »
O lado obscuro do ‘milagre econômico’ da ditadura: o boom da desigualdade

O lado obscuro do ‘milagre econômico’ da ditadura: o boom da desigualdade

Autoria: BEATRIZ SANZ e HELOÍSA MENDONÇA Mesmo com o forte crescimento e criação de empregos no período militar, os salários foram achatados e a distância entre ricos e pobres cresceu. O Brasil polarizado tem reproduzido uma frase que estava na boca de alguns saudosistas de tempos em que notícias sobre violência e economia em marcha lenta pareciam raras. “Na … Continue lendo »
A nova roupa da direita

A nova roupa da direita

Marina Amaral — Rede de conservadores dos EUA financia jovens latino-americanos para combater governos de esquerda da Venezuela ao Brasil e defender velhas bandeiras com um nova linguagem. “O corpo é a primeira propriedade privada que temos; cabe a cada um de nós decidir o que quer fazer com ele”, brada em espanhol a loirinha de … Continue lendo »
Al Jazeera é terrorista, Marielle era do tráfico e a Terra é plana

Al Jazeera é terrorista, Marielle era do tráfico e a Terra é plana

Leonardo Sakamoto – Não é surpreendente uma senadora insinuar que uma rede de televisão mundialmente conhecida serve a um grupo terrorista. Nem trocar ”Estado Islâmico” por ”Exército Islâmico”. Ou proferir um discurso ignorante sobre o mundo árabe que resvala no racismo. Aberrações como essa acontecem no dia a dia do Congresso Nacional. Basta assistir às … Continue lendo »
Educação fraca favorece populismo de direita, diz professor de Harvard

Educação fraca favorece populismo de direita, diz professor de Harvard

Thais Carrança –  As experiências recentes do Brexit e das eleições americanas de 2016 sugerem que a parcela menos educada da população tende ao populismo de direita na saída de crises, disse Niall Ferguson, historiador e professor de Harvard, durante sua participação no evento Macro Vision, promovido pelo Itaú, nesta terça-feira em São Paulo. “O que … Continue lendo »
Aos que defendem a volta da ditadura

Aos que defendem a volta da ditadura

ELIANE BRUM – Eles eram 400 nas ruas de São Paulo, no primeiro sábado de dezembro, pedindo intervenção militar. Quatrocentos não é pouco. Um é muito. Quando escuto brasileiros fazendo manifestação pela volta da ditadura, penso que eles não podem saber o que estão dizendo. Quem sabe, não diz. Mas esse primeiro pensamento é uma mistura de … Continue lendo »