Neoliberalismo, distopias e Bolsonaro

Neoliberalismo, distopias e Bolsonaro

Leda Paulani – Lógicas neoliberais. Despolitização e valores individualistas. Perseguição judicial e erros do PT. Combinados, estes ingredientes produziram a tempestade perfeita e o desastre. A eleição de Jair Bolsonaro para a presidência da república do Brasil deixa o mundo estarrecido. Seu estilo autoritário e agressivo, sua apologia à tortura, suas continuadas ofensas a determinados … Continue lendo »
Votar como Ulysses, ou contra Ulysses

Votar como Ulysses, ou contra Ulysses

Celso Rocha de Barros – Bolsonaro representa facção das Forças Armadas que ganhou poder com a tortura Jair Bolsonaro não representa o regime de 64. Representa sua dissidência extremista, que revoltou-se contra a abertura de Geisel. O ídolo de Bolsonaro não é o moderado Castelo Branco, que provavelmente gostaria mesmo de ter restaurado a democracia. Não é o Geisel, que matou gente, … Continue lendo »
Balanço das eleições no Brasil

Balanço das eleições no Brasil

Frei Betto – As elei­ções bra­si­leiras, no do­mingo, 7 de ou­tubro, re­ve­laram que a po­lí­tica bra­si­leira será cada vez mais con­ser­va­dora. O pró­ximo pre­si­dente do país, a tomar posse a 1 de ja­neiro de 2019, será de­fi­nido no se­gundo turno, a 28 de ou­tubro, na dis­puta entre Jair Bol­so­naro (PSL) e Fer­nando Haddad (PT). Todo o … Continue lendo »
Brasil pode entrar para clube de países que votou para ter menos liberdade

Brasil pode entrar para clube de países que votou para ter menos liberdade

Fernando Neisser – Enquanto corremos rumo ao precipício, entoando que nossa bandeira jamais será vermelha, não é possível deixar de lembrar de Francis Fukuyama, pensador conservador norte-americano que recentemente tornou-se personagem do debate político nacional. Após ter dito que estava preocupado com os riscos da ascensão de Jair Bolsonaro, foi atacado por seguidores do deputado que acusaram-no de … Continue lendo »
“Vejo paralelo entre o momento atual e a eleição de Hitler na Alemanha”

“Vejo paralelo entre o momento atual e a eleição de Hitler na Alemanha”

Thiago Domenici – Em entrevista à Pública, o frade dominicano e escritor afirma que Bolsonaro é resultado da omissão do judiciário que permitiu a “lei esdrúxula da anistia recíproca” e que o PT “não cuidou de promover a alfabetização política do povo” Frei Betto, 73 anos, é frade dominicano e um dos responsáveis na propagação … Continue lendo »
”Está explodindo uma bomba-relógio que ninguém quis ver”

”Está explodindo uma bomba-relógio que ninguém quis ver”

Deutsche Welle – Filósofo da USP diz que bravatas de Bolsonaro tiram o foco de projeto econômico rejeitado por maioria dos brasileiros e que nunca um candidato havia retirado da eleição o espaço público de discussão. Os posicionamentos de Jair Bolsonaro (PSL) sobre pautas identitárias, como os direitos das mulheres e LGBTs, dominaram o debate … Continue lendo »
‘Fake news’, narrativas ‘fake’ e a ordem neoliberal

‘Fake news’, narrativas ‘fake’ e a ordem neoliberal

Franklin Frederick – As “fake news” são um fenômeno bastante importante e, com razão, tem sido amplamente discutidas e denunciadas.Igualmente importante, porém, são as narrativas “fake” e estas não tem recebido a devida atenção crítica.  O que distingue as “fake news” das narrativas “fake” é a duração no tempo: enquanto as “fake news” são episódicas, as … Continue lendo »
A direita veio para ficar no panorama político do Brasil? Não

A direita veio para ficar no panorama político do Brasil? Não

Ricardo Antunes – O que parece sólido se desfaz. Desde a ditadura militar as eleições nunca foram tão agônicas. Talvez 2018 encontre alguma similitude com 1989, quando Collor apareceu como azarão civil que empolgou os “de cima” e arrastou muitos “de baixo”. Durou dois anos e arrebentou o país. Empobreceu ainda mais os que pouco … Continue lendo »
Brasil está caminhando para uma crise financeira única, diz The Economist

Brasil está caminhando para uma crise financeira única, diz The Economist

The Economist – O Brasil não apresenta sintomas de uma crise antiquada da balança de pagamentos nem está à mercê do capital global. A crise do Brasil é, em essência, uma batalha consigo mesmo, diz a publicação. Depois de falar em duas edições sobre o candidato Jair Bolsonaro (PSL), a revista britânica The Economist mais uma … Continue lendo »