Militares, milicianos e o governo Bolsonaro: uma hipótese de interpretação dos últimos acontecimentos, por William Nozaki

Militares, milicianos e o governo Bolsonaro: uma hipótese de interpretação dos últimos acontecimentos, por William Nozaki

William Nozaki – Enquanto a atenção se concentra sobre as sandices das declarações de Guedes, Araújos, Weintraubs e Damares, algo mais profundo e perigoso pode estar acontecendo. Na última semana observamos alguns acontecimentos conjunturais de grande relevância que foram pouco ou mal-interpretados pela maior parte dos conjunturalistas: (i) a divulgação dos cenários para a política … Continue lendo »
Ódio, Mentiras e defesa do Nazismo. Por dentro dos grupos pró-Bolsonaro no WhatsApp

Ódio, Mentiras e defesa do Nazismo. Por dentro dos grupos pró-Bolsonaro no WhatsApp

Vinicius Segalla – Entre os milhares de grupos de conversa de WhatsApp mantidos por simpatizantes e políticos de direita, em que se espalham notícias falsas e mensagens de ódio desde antes das Eleições de 2018, um novo perfil de fórum de debates tem surgido, de cunho ainda mais radical, assumidamente defensor de teorias e políticas … Continue lendo »
Modelo econômico condena América Latina ao subdesenvolvimento e à desigualdade

Modelo econômico condena América Latina ao subdesenvolvimento e à desigualdade

Marcio Pochmann – Ao sucumbir ao neoliberalismo, continente se desfaz de projetos nacionais de desenvolvimento, expondo ao sacrifício seus recursos naturais e seu povo. Sem políticas de desenvolvimento, países da América Latina promovem o empobrecimento das populações, em favor de suas elites. Antecipando-se à ocupação capitalista que se instalou dominantemente somente ao final do século 19, … Continue lendo »
Campos de Veneno: soja na floresta amazônica

Campos de Veneno: soja na floresta amazônica

Reportagem acompanhou os impactos da monocultura no meio ambiente e na vida dos habitantes da região do Planalto Santareno, no Baixo Rio Tapajós. “A maioria da população é afetada negativamente: aumenta a pobreza, aumenta a miséria, aumenta a fome, a insegurança pública, a violência. Concentra renda, concentra terra e aumentam os impactos negativos na área … Continue lendo »
O desenvelhecimento do mundo

O desenvelhecimento do mundo

Boaventura de Sousa Santos – Pessoas de todas as idades voltam a se insurgir. Buscam zonas libertadas de capitalismo, colonialismo e patriarcado. Sondam economias comunitárias, indígenas, feministas, cooperativas. E os poderes: irão finalmente envelhecer? Na vida pessoal, o envelhecimento depende menos da idade fisiológica do que da idade social. A idade social é inversamente proporcional … Continue lendo »
“O silêncio cúmplice diante da fome… Isto, sim, é um vírus mundialmente perigoso!”

“O silêncio cúmplice diante da fome… Isto, sim, é um vírus mundialmente perigoso!”

José María Castillo – Os mortos pelo “coronavírus”, até o momento desse meu texto, foram 490. É claro, não é possível saber o número de vítimas que ainda poderá causar. Seja qual for o risco que terá no futuro, é um fato que já foram gastos milhares de dólares para controlar essa terrível ameaça global. … Continue lendo »
ASSASSINATO DE SULEIMANI É PARTE DE GUERRA SEM FIM

ASSASSINATO DE SULEIMANI É PARTE DE GUERRA SEM FIM

Reginaldo Nasser – O atentado que matou o general iraniano Qassem Suleimani pode parecer, à primeira vista, apenas mais um gesto tresloucado de Trump. Mas é preciso estar alerta para as razões domésticas de tal decisão e lembrar que, como acontece desde a Guerra do Vietnã, a superioridade militar dos EUA é sempre derrotada pela falta … Continue lendo »
Que as Crianças Cantem Livres

Que as Crianças Cantem Livres

Taiguara, no show “Treze Outubros”, conta uma anedota, embora divertida, sobre seu contato com umas das censoras nos tristes tempos da ditadura. – o relato se refere a cancão “Nova York” – algo que o clip não permite deixar exatamente claro. O incomodo em questão, e’ a presença da palava “Policia”, entres as outras “po” … Continue lendo »
A importância da soberania monetária

A importância da soberania monetária

José Luís Fevereiro – Há uma fantasia econômica disseminada pelo liberalismo. É a fantasia da austeridade virtuosa. O corte de gastos seria a medida essencial para haver crescimento e melhoria das condições de vida. Trata-se de ideia falsa. Estado soberano que emite sua própria moeda tem limites elásticos para gastar e investir. Na maior parte … Continue lendo »
O mito de que o serviço público é excessivamente oneroso

O mito de que o serviço público é excessivamente oneroso

Gabriel Magalhães Beltrão – No presente texto buscarem dialogar criticamente com o lugar comum disseminado pela grande mídia e por organismos internacionais, como FMI e Banco Mundial (BM), que apregoa o caráter excessivamente oneroso do serviço público brasileiro, o qual teria se convertido num “elefante” pesado e ineficiente. Junto com a seguridade social, os servidores … Continue lendo »