Na Argentina, rejeição ao período militar impediria eleição de defensor da ditadura

Na Argentina, rejeição ao período militar impediria eleição de defensor da ditadura

Luciana Taddeo – Na Argentina, a maior parte da opinião pública rejeita a ditadura militar do país (1976-1983), que deixou 30 mil mortos e desaparecidos, além dos relatos de tortura e de bebês sequestrados pelo regime e adotados ilegalmente por outras famílias. Em 2016, uma pesquisa do instituto Ibarómetro apontou que 80,2% dos argentinos tinham “sentimentos … Continue lendo »