Do “Fascismo Democrático” a um novo Comunismo?

Do “Fascismo Democrático” a um novo Comunismo?

Alain Badiou – Ocidente parece dividido entre a aristocracia financeira e os gângsters. É preciso reconstruir a ideia de alternativa, ou não haverá mais Política. Mas quais os caminhos? 1. Começo como uma visão geral, não da situação atual dos Estados Unidos, mas do mundo de hoje. Penso que o ponto mais importante por onde devemos … Continue lendo »
A lei não é para todos

A lei não é para todos

ELIANE BRUM – Como a Lava Jato reforça no país uma ideia perigosa: a de que prisão é justiça A Operação Lava Jato, mesmo com todas as falhas e abusos cometidos, assim como a vaidade descontrolada de parte de seus protagonistas, presta um grande serviço ao Brasil ao revelar a relação de corrupção entre o público … Continue lendo »
Ainda as confusões globais

Ainda as confusões globais

Wladimir Pomar – De­pois de as­sistir pela TV à vi­agem do pre­si­dente Trump à reu­nião com os lí­deres de países de pre­do­mi­nância is­lâ­mica, ao en­contro dele com li­de­ranças da OTAN e com um papa fla­gran­te­mente des­con­tente, não deixa de ser es­tranho que al­guns pen­sa­dores con­si­derem os BRICS, a China e a Rússia como os prin­ci­pais … Continue lendo »
O desmonte da universidade pública e branqueamento cultural: outra estratégia do genocídio

O desmonte da universidade pública e branqueamento cultural: outra estratégia do genocídio

Andréia Moassab, Marcos de Jesus e Vico Melo – O branqueamento cultural como complemento do genocídio é um ponto de partida interessante para compreender os ataques ao direito à educação materializados pela operação de desmonte das universidades públicas estaduais e federais em curso e cujas consequências já são sentidas com maior intensidade pelos setores mais excluídos … Continue lendo »