Livro póstumo de Zygmunt Bauman alerta para o mal sutil que assola o mundo

Livro póstumo de Zygmunt Bauman alerta para o mal sutil que assola o mundo

Dirce Waltrick do Amarante – Interessante observar que Zygmunt Bauman (1925-2017) é considerado um pensador bastante prolixo, a ponto de “falar” até mesmo depois de morto. De fato, ele escreveu muito, falou muito, mas parece que não lhe demos a devida atenção, caso contrário não estaríamos vivendo hoje uma situação tão caótica, no plano moral e … Continue lendo »
A questão do socialismo – II

A questão do socialismo – II

Wladimir Pomar – Par­ti­cu­lar­mente a partir do final do sé­culo 19, o ca­pi­ta­lismo acen­tuou seu pa­drão de de­sen­vol­vi­mento de­si­gual e des­com­bi­nado. A di­nâ­mica in­terna dos países ca­pi­ta­listas mais de­sen­vol­vidos os em­purrou tanto na di­reção de um maior de­sen­vol­vi­mento ci­en­tí­fico e tec­no­ló­gico, do des­carte da força de tra­balho e da con­cen­tração e cen­tra­li­zação mo­no­po­lista, quanto na di­reção … Continue lendo »
A questão do socialismo – I

A questão do socialismo – I

Wladimir Pomar – A ofen­siva fas­cista contra o ca­ráter na­ci­onal e de­mo­crá­tico (mesmo formal) da so­ci­e­dade ca­pi­ta­lista bra­si­leira, pro­cu­rando re­tro­cedê-la à con­dição se­mi­co­lo­nial e di­ta­to­rial, trouxe à tona, em­bora de forma en­vi­e­sada, a questão do so­ci­a­lismo. Ele­vado à con­dição de um dos prin­ci­pais ini­migos do bol­so­na­rismo, é apre­sen­tado como algo abo­mi­nável, a ser re­pe­lido, der­ro­tado … Continue lendo »
“É O DINHEIRO QUEM CONTROLA O PROCESSO DEMOCRÁTICO, NÃO AS PESSOAS”

“É O DINHEIRO QUEM CONTROLA O PROCESSO DEMOCRÁTICO, NÃO AS PESSOAS”

Ruan de Sousa Gabriel – O geógrafo britânico, autor de “A loucura da razão econômica: Marx e a economia do século XXI” (Boitempo), defende reduzir drasticamente a influência do mercado na sociedade. 1. O que é a “loucura da razão econômica”? Segundo a análise marxista, o capital é uma forma político-econômica contraditória: promete liberdade e … Continue lendo »
Os enigmas do capitalismo na era da tecnologia

Os enigmas do capitalismo na era da tecnologia

LUIZ GONZAGA BELLUZZO – O capital monetário concentrado nas grandes instituições financeiras apoderou-se da gestão empresarial. What is Wrong with Capitalism?, indagam os editores do Project Syndicate, site onde desfilam figuras do andar de cima da opinião econômica. Entre os escalados para desvendar os enigmas do capitalismo “errado” estão, entre outros, Joseph Stiglitz, Mariana Mazzucato, … Continue lendo »
O negacionismo histórico como arma política

O negacionismo histórico como arma política

CLARISSA NEHER – Está em curso no Brasil um revisionismo histórico com base na negação e na manipulação de fatos; ele é promovido por seguidores da “nova direita” e pelo próprio governo Bolsonaro; e vai além do “nazismo de esquerda”. Há um revisionismo histórico, com fins políticos, em curso no Brasil. Ele é baseado na … Continue lendo »
Richard Sennett: “O gratuito significa sempre uma forma de dominação”

Richard Sennett: “O gratuito significa sempre uma forma de dominação”

ANATXU ZABALBEASCOA – Este sociólogo e violoncelista disseca uma sociedade em que as novas tecnologias escravizam mais pessoas do que nunca. São muitas as questões que definem nossa sociedade que ele enxergou antes de todos. O sociólogo Richard Sennett (Chicago, 1943) há vários ensaios alerta contra os perigos do trabalho flexível que deriva da autoexigência e da … Continue lendo »
Bolsonarismo importa dos EUA teoria conspiratória sobre marxismo cultural

Bolsonarismo importa dos EUA teoria conspiratória sobre marxismo cultural

Maurício Meireles – Tese diz que esquerda se infiltrou nas artes, imprensa e outras instituições para destruir a civilização ocidental por dentro. Fábricas e fazendas não estão mais com nada. O grande movimento da esquerda agora, em vez de buscar o poder pelas armas, seria a luta no campo da cultura —apropriando-se, pouco a pouco, de instituições como … Continue lendo »
Análise de conjuntura: novo ensaio

Análise de conjuntura: novo ensaio

Pedro A. Ribeiro de Oliveira – O pensamento de direita conquistou espaço na sociedade com importante contribuição das religiões cristãs de vertente fundamentalista (incluída a católico-romana). Em sua versão vulgar ele traz o criacionismo, justifica o racismo e o patriarcado e outros sistemas de exclusão; em sua versão erudita ele justifica a liberdade individual como … Continue lendo »