Tombo duplo: Brasil está mais desigual e com desenvolvimento estagnado, diz ONU

Tombo duplo: Brasil está mais desigual e com desenvolvimento estagnado, diz ONU

Oxfam – Caímos uma posição no ranking do IDH (que mede o desenvolvimento do país) e 23 quando esse índice é ajustado pela desigualdade. Já somos o 7o. mais desigual do mundo. O Brasil tomou um tombo duplo esta semana nos indicadores que medem o desenvolvimento e revelam o estado das desigualdades do país. O … Continue lendo »
Não é graças ao capitalismo que estamos vivendo mais, mas graças a políticas progressistas

Não é graças ao capitalismo que estamos vivendo mais, mas graças a políticas progressistas

Jason Hickel – Ignore o conto de fadas habitual. Democracia, Sindicatos, Saúde e Educação: Essas são as forças que realmente importam. Nos últimos anos, comentaristas de renome, como Steven Pinker, Jordan Peterson e Bill Gates, têm invocado o progresso nas expectativas de vida em nível global para defender o capitalismo contra uma onda crescente de críticos. Certamente há muito o … Continue lendo »
O ataque dos Estados Unidos ao Irã e suas consequências para o mundo do petróleo

O ataque dos Estados Unidos ao Irã e suas consequências para o mundo do petróleo

José Luís Fiori e Rodrigo Leão – O reconhecimento do presidente Donald Trump, e a comemoração de algumas autoridades norte-americanas, transformam o “ataque americano ao aeroporto de Bagdá”, numa operação direcionada e bem sucedida de eliminação de um general iraniano de alta patente, em território iraquiano, por cima de toda e qualquer ideia de direito internacional, … Continue lendo »
As privatizações ressuscitam o feudalismo

As privatizações ressuscitam o feudalismo

Paul Craig Roberts– A América é um país de escândalos. O mais recente é a utilização do trabalho dos call centers prisionais pelo multimilionário judeu Mike Bloomberg a fim de divulgar a propaganda da sua campanha presidencial. Parece-me que o ataque de Bloomberg à Constituição americana é que constitui o escândalo, não a sua utilização … Continue lendo »
Voltando a crescer?

Voltando a crescer?

Rosa Maria Marques – Sem que haja recuperação da capacidade de investimento e gasto do Estado, não há, no curto prazo, nenhuma possibilidade de a economia brasileira voltar a crescer de forma sustentada. A divulgação de que a economia teria crescido mais do que o esperado no segundo trimestre deste ano foi objeto de grande … Continue lendo »
Recuperação a caminho? Para o Dieese, política econômica seguirá excluindo a maioria

Recuperação a caminho? Para o Dieese, política econômica seguirá excluindo a maioria

RBA – Instituto não vê dados que sustentem repetido discurso de “retomada” da atividade. Pequena melhora “tem sido apropriada pela parcela mais rica da população”. Relatório da ONU mostra que o Brasil é o segundo país do mundo em concentração de renda: a parcela dos 1% mais ricos fica com 28,3% “A hipótese de crescimento … Continue lendo »
O mercado da dívida pública no Brasil

O mercado da dívida pública no Brasil

Larissa Naves de Deus e Fábio Henrique Bittes Terra – O objetivo deste artigo é apresentar uma série de efeitos que a estruturação destes dois mercados (monetário e de dívida pública) causou para a economia brasileira. Leia análise no artigo do Observatório da Economia Contemporânea. A gestão da política macroeconômica, especialmente das políticas monetária, fiscal, … Continue lendo »
Neoliberalismo e autoritarismo, uma história de amor

Neoliberalismo e autoritarismo, uma história de amor

RUBENS R. R. CASARA – Neoliberalismo e autoritarismo, uma história de amor. Há algo de novo na forma como se exerce o poder em todo o mundo. Paradoxalmente, esse “novo” remete ao passado, na medida em que associado tanto a discursos ultraconservadores e xenófobos quanto a práticas inquisitoriais e oligárquicas. A principal característica dessa nova … Continue lendo »
PIB é ilusão perversa, diz Nobel de Economia

PIB é ilusão perversa, diz Nobel de Economia

Joseph Stiglitz – O mal-estar social alastra-se, o colapso da Natureza avança e a democracia declina. Se ainda assim o termômetro que afere o “sucesso” das sociedades nos diz que tudo vai bem — então, é preciso trocá-lo por outro. Já há como fazê-lo. O mundo enfrenta três crises existenciais: uma crise climática, uma crise de … Continue lendo »