O colapso do teto

O colapso do teto

Laura Carvalho – Em reunião com investidores em Nova York, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, pôs o dedo na ferida ao afirmar, na terça-feira (14), que a aprovação da reforma da Previdência não resolverá o problema de falta de crescimento da economia brasileira e que o teto de gastos, se não for revisto, pode levar o … Continue lendo »
Stiglitz e Rodrik denunciam os limites da economia dominante

Stiglitz e Rodrik denunciam os limites da economia dominante

LUIZ GONZAGA BELLUZZO – É fácil confundir as limitações crescentes impostas ao Estado-Nação com a construção de um espaço de livre circulação. No site de leituras Project Syndicate, Joseph Stiglitz e Dani Rodrik, dois economistas rebeldes, denunciam as insuficiências da Visão Econômica dominante.Desde os anos 1980, diz Stiglitz, Ronald Reagan e Margareth Thatcher lançaram a cruzada … Continue lendo »
A economia chinesa como alternativa ao Consenso de Washington

A economia chinesa como alternativa ao Consenso de Washington

Wagner Fernandes de Azevedo – As declarações dos membros do Partido Comunista Chinês sugerem que a China considera a atual ordem mundial “injusta e ultrapassada”, porque “os países em desenvolvimento, que respondem por mais de 50% do PIB mundial, não têm voz nem peso nos principais órgãos de governança global, nomeadamente o FMI e o Banco Mundial”. Entretanto, “isso não quer dizer que … Continue lendo »
E se a tirania dos mercados estiver chegando ao fim?

E se a tirania dos mercados estiver chegando ao fim?

Ladislau Dowbor – Nos EUA, um estudo do Roosevelt Institute reconhece: as lógicas do neoliberalismo estão devastando as sociedades, a natureza e a própria Economia. É hora de resgatar direitos e limitar o poder das finanças e mega-corporações Resenha de: New Rules for the 21th Century Roosevelt Institute – 2019 – 77p Para baixar, clique Um … Continue lendo »
Os efeitos perversos das isenções fiscais e das anistias no Brasil

Os efeitos perversos das isenções fiscais e das anistias no Brasil

Paulo Nogueira Batista Jr. – Quem se beneficia é a famigerada turma da bufunfa, o que explica o relativo silêncio a respeito nas mídias tradicionais. O debate brasileiro sobre a reforma da Previdência sofre de vários desequilíbrios, alguns até escandalosos. Há quem diga que o debate é mais desequilibrado do que a própria Previdência. Um … Continue lendo »
Afinal, existe mesmo rombo na Previdência?

Afinal, existe mesmo rombo na Previdência?

Mariana Schreiber – CPI acusa o governo de prever um envelhecimento exagerado da população. Vencidas as denúncias criminais que ameaçavam seu mandato, o presidente Michel Temer concentra agora seus esforços em aprovar a polêmica reforma da Previdência. Na última quarta-feira, justamente quando a Câmara mandava para a gaveta o pedido para processar o presidente, no … Continue lendo »
Os 5 países que fabricam 75% das armas do mundo (e seus maiores compradores)

Os 5 países que fabricam 75% das armas do mundo (e seus maiores compradores)

BBC News – Enquanto o maior vendedor de armamentos do mundo está nas Américas, o maior comprador fica no Oriente Médio, em um mercado altamente influenciado pela geopolítica global. Cinco países controlam três quartos do mercado de vendas de armas no mundo. O último relatório do Instituto Internacional de Pesquisa para a Paz de Estocolmo (Sipri, na … Continue lendo »
Tragédias como Brumadinho estão ligadas a preço e lucro, diz estudo mundial

Tragédias como Brumadinho estão ligadas a preço e lucro, diz estudo mundial

Vladimir Goitia – Tragédias na mineração, como as de Mariana e Brumadinho (MG), tendem a ocorrer quando os preços dos minérios estão em alta ou em baixa. A razão é sempre pressão das empresas para ganhar mais ou deixar de perder dinheiro. A conclusão é de estudo de 2009 feito por pesquisadores canadenses da Amec Earth & Environmental, consultoria ambiental … Continue lendo »
Alavancagem financeira em lugar da parcimônia

Alavancagem financeira em lugar da parcimônia

Fernando Nogueira da Costa – Paradoxalmente, Marx e a literatura de esquerda destacam a revolução industrial, talvez por causa do surgimento de operários capazes de se organizarem em sindicatos e partidos, e não a prévia revolução financeira, ocorrida originalmente na Holanda do século XVII. Até hoje parte da esquerda se comporta como os cristãos medievais antissemitas … Continue lendo »
Nossas cidades estão preparadas para o futuro?

Nossas cidades estão preparadas para o futuro?

LUÍS MARCELO MARCONDES E PEDRO VERÍSSIMO FERNANDES – A indústria brasileira gerava 27,4% dos empregos no início dos anos de 1970. Em 2014, esse número caiu para 10,9%. A burguesia só pode existir se revolucionar os instrumentos de produção e, como consequência, as relações sociais. Nesse caso a referência veio de Marx e Engles, mas … Continue lendo »