Ri, palhaço

Ri, palhaço

LUIS FERNANDO VERISSIMO – Pela lógica destes dias, depois da cassação da Dilma, o passo seguinte óbvio seria condecorarem o Eduardo Cunha, o herói do impeachment Depois da provável cassação da Dilma pelo Senado, ainda falta um ato para que se possa dizer que la commedia è finita: a absolvição do Eduardo Cunha. Nossa situação … Continue lendo »
Por que ensinar mais ŽiŽek em nossas escolas?

Por que ensinar mais ŽiŽek em nossas escolas?

Christian Ingo Lenz Dunker – O filósofo esloveno critica marxistas, feministas, ecologistas e multiculturalistas, mas defende explicitamente a liberdade e a Constituição Uma encarnação demoníaca do esquerdismo ideológico que ameaça nossas crianças é representada pelo filósofo esloveno Slavoj Žižek. Ele cruzou a fronteira do bom senso quando o Enem de 2015 escolheu uma questão baseada no … Continue lendo »
Paranoia

Paranoia

Leonardo Sakamoto – Recebi de um amigo um meme que está circulando nas redes com insultos a notórios comunistas comedores de criancinhas, consumidores de caviar, hipócritas usuários de smartphones, gayzistas destruidores da família como Gregório Duvivier, Jean Wyllys, Maria do Rosário e este que vos escreve – que a terra, um dia, há de comer. … Continue lendo »
20 anos depois: quem são os donos do plano Real?

20 anos depois: quem são os donos do plano Real?

João Sicsú – A estabilização da inflação aconteceu ao custo da substituição de produtos nacionais por importados e o agravamento da situação fiscal. Coube, sim, aos economistas do PSDB patrocinar o não aprofundamento da fase de sincronização dos preços, a promoção de uma enorme substituição de produtos nacionais por produtos importados durante a fase de estabilização … Continue lendo »
Cidades: assim se privatizou o Porto Maravilha

Cidades: assim se privatizou o Porto Maravilha

Adriano Belisário – História de um retrocesso emblemático: área degradada do centro do Rio, que seria recuperada com moradias e espaços públicos, foi entregue à especulação. Como mega-empresas obtiveram dos governos a rendição total img src=”http://outraspalavras.net/outrasmidias/wp-content/uploads/2016/08/160818-PortoMaravilha-485×302.jpg” alt=”160818-PortoMaravilha” /> O Porto Maravilha, na versão atual. Espaços residenciais (em vermelho) ocupam áreas mínimas, se comparadas às comerciais (azuis). … Continue lendo »
Até quando esqueceremos Karl Marx?

Até quando esqueceremos Karl Marx?

Vicenç Navarro – É cada vez mais óbvio: só políticas decididas e intensas de redistribuição de riqueza — portanto, opostas às atuais —  permitirão enfrentar a crise econômica global, que se arrasta há oito anos Em consequência do enorme domínio que as forças conservadoras têm nos maiores meios de difusão e comunicação, inclusive acadêmicos, na Espanha, … Continue lendo »