O pânico sobre Piketty

O pânico sobre Piketty

Paul Krugman – “Capital in the Twenty-First Century”, o novo livro do economista francês Thomas Piketty, é um verdadeiro fenômeno. Outros livros sobre economia se tornaram best sellers, mas a contribuição de Piketty é um trabalho de séria erudição e capaz de mudar o discurso, algo que a maioria dos best sellers não é. E os … Continue lendo »
A segunda morte das Diretas Já

A segunda morte das Diretas Já

Luiz Gonzaga Belluzzo – Os deputados brasileiros se esmeraram em oferecer a seus compatriotas um espetáculo degradante na votação do impeachment. No subsolo da pobreza de ideais e ideias corria o esgoto da hipocrisia. Papai, mamãe, filhinhos, ói eu aqui com a graça de Deus. O PMDB puxou a fila, liderado pelo vice-presidente da República, Michel … Continue lendo »
O que você precisa desaprender?

O que você precisa desaprender?

Ana Paula Coelho – Buscamos incessantemente conhecimento, mas temos dificuldade em abrir espaços autênticos de reflexão e mudança. Será possível desaprender (desprogramar) crenças limitantes? Uma delas certamente é a de que “precisamos sempre saber mais e mais”. Na era da informação e do conhecimento, a síndrome de FOMO (Fear Of Missing Out) nos dá sempre a sensação de que precisamos … Continue lendo »
Sugestões para processar o momento atual

Sugestões para processar o momento atual

WLADIMIR POMAR – Certamente não é a primeira vez, nem será a última, que o Brasil vive crises políticas e institucionais, acompanhadas ou tendo por base alguma crise econômica. Nem é a primeira, e muito provavelmente não será a última, em que setores políticos de esquerda se veem perplexos ou sem conseguir processar os acontecimentos, ou … Continue lendo »
Perry Anderson: A crise no Brasil

Perry Anderson: A crise no Brasil

Perry Anderson – Os países dos BRICS estão em apuros. Por um tempo eles foram os dínamos do crescimento global enquanto o Ocidente estava envolto na pior crise financeira e recessão econômica desde a Grande Depressão, mas agora eles se tornaram a principal fonte de preocupação nos quartéis-generais do FMI e do Banco Mundial. A China, acima … Continue lendo »
Matar uma pessoa para salvar outras cinco vidas é justificável?

Matar uma pessoa para salvar outras cinco vidas é justificável?

Daniel Mediavilla – Estudo sugere que quem prefere as escolhas morais absolutas são mais confiáveis. Comparação é com as que fazem escolhas pensando em maximizar o bem comum O dilema do trem é uma experiência clássica para avaliar opções de ordem moral. Will Langenberg Um trem descontrolado avança na direção de cinco pessoas. Você está … Continue lendo »
Setor financeiro é mais responsável do que Dilma pela recessão, diz Dowbor

Setor financeiro é mais responsável do que Dilma pela recessão, diz Dowbor

Helder Lima – Explosão do endividamento das famílias, juros sobre investimentos e alta da taxa Selic tornam inviáveis o dinamismo da economia, segundo o professor da PUC-SP Dowbor: “O problema não está nas contas do governo, mas nos intermediários financeiros” São Paulo – Quem acha que a culpa da crise econômica é apenas da presidenta … Continue lendo »
A filosofia política de Mujica por ele mesmo

A filosofia política de Mujica por ele mesmo

Pepe Mujica – Ex-presidente sustenta em S.Paulo, a publicações alternativas brasileiras: é preciso viver como a maioria, aproveitar os dias, libertar-se dos interesses e sonhar com o que virá depois de nós Esta é a fala introdutória de Mujica, na entrevista que concedeu em 27 de abril a publicações brasileiras, reunidas no Centro de Mídia Barão … Continue lendo »
Votação de Bolsonaro hoje seria igual à do fascista Plínio Salgado em 1955

Votação de Bolsonaro hoje seria igual à do fascista Plínio Salgado em 1955

Mário Magalhães – A pesquisa Datafolha da primeira quinzena de abril, mostrando o deputado Jair Bolsonaro com até 8% de intenção de votos para o Planalto, surpreendeu muita gente. Sobretudo pelo desempenho entre os eleitores com renda superior a dez salários mínimos, segmento em que o ex-capitão do Exército receberia um em cada quatro sufrágios. O … Continue lendo »